loader
Aprovada moção de apoio a servidores da Susepe

Aprovada moção de apoio a servidores da Susepe

Servidores da Superintendência de Serviços Penitenciários (Susepe) estiveram na Câmara Municipal nesta terça-feira, 10, para acompanhar a votação de uma moção de apoio à categoria. Os trabalhadores reivindicam alterações em dois projetos que integram o pacote de reforma estrutural do Estado encaminhado pelo governador Eduardo Leite à Assembleia Legislativa. A moção foi apresentada pelos vereadores Juares Hoy (PTB), Sargento Santana (PTB) e César Augusto (Republicanos).

A moção de apoio vai ao encontro da preocupação dos servidores com a questão das atividades de risco, pois quem trabalha em atividades técnicas e administrativas também têm contato com os apenados. Dessa forma, a moção pede a inclusão dos agentes penitenciários administrativos e dos técnicos superiores penitenciários nos respectivos textos, substituindo o termo agente penitenciário por servidores penitenciários. O objetivo, segundo o documento, é corrigir uma possível injustiça e tratamento desigual para cargos de natureza similar. Também propõe que "os direitos da proposta legislativa sejam estendidos a todos os servidores ingressantes nas carreiras até a entrada em vigência da lei complementar, diferentemente da proposta original". A ideia, de acordo com o texto, é garantir a todos os atuais servidores da segurança pública equidade de direitos.

Durante a votação da moção, um espaço foi concedido para que representantes da categoria explicassem a pauta da mobilização. A diretora da Pecan I, Magda Pires, considerou a proposta do governador um equívoco e ressaltou que os agentes penitenciários administrativos e os técnicos superiores penitenciários estão submetidos aos mesmos riscos durante o exercício de suas funções. O presidente da Associação dos Técnicos Penitenciários da Susepe, Rodrigo Frantz, acrescentou que os servidores não estão pedindo nada além do cumprimento da lei que já existe.

 

 Texto: Assessoria de Imprensa