loader
Relatório de Gestão Fiscal do primeiro quadrimestre de 2016 é apresentado em audiência pública

Relatório de Gestão Fiscal do primeiro quadrimestre de 2016 é apresentado em audiência pública

A Comissão de Finanças e Orçamento, presidida pelo vereador Alexandre Gonçalves (PPS), realizou na tarde desta terça-feira (31) audiência pública para apresentação do Relatório de Gestão Fiscal do município referente ao primeiro quadrimestre de 2016. Os dados foram expostos pelo secretário adjunto da Fazenda, Lúcio Goethel.

O relatório entregue na Câmara aponta uma receita corrente líquida de R$ 483.476.642,02, o que corresponde a 28,72% da arrecadação prevista para o primeiro quadrimestre – cerca de R$ 77,5 milhões a menos. A despesa liquidada somou R$ 507.290.707,41 e houve um déficit orçamentário de R$ 23.814.065,39. Goethel citou as medidas de economia adotadas pela Prefeitura para amenizar a situação diante da crise econômica e agradeceu o apoio do Legislativo na aprovação de projetos que tratam de corte de gastos na administração municipal e do aumento da arrecadação. O vereador Alexandre salientou que a Câmara, por meio do presidente Paulo Ritter (PT), também tem adotado uma série de medidas para o corte de despesas.

Os gastos com Educação e Saúde totalizaram, respectivamente: R$ 72.784.103,08 (30.04%) e R$ 56.564.607,91 (18,71%), ambos percentuais acima do mínimo estabelecido em lei. Os gastos com pessoal totalizaram 35,51% da receita corrente líquida (a lei estipula o limite de 54%), o equivalente a R$ 413.262.732,24. Já a dívida consolidada líquida ficou em R$ 205.268.805,72 (22,96%), enquanto o limite definido por Resolução do Senado Federal é de 120%.

 

Fotos: Willyan Bertotto