loader
Tribuna Popular: Parceiros Voluntários de Canoas apresenta o projeto Arte Legal: Cidadania sem Bullying

Tribuna Popular: Parceiros Voluntários de Canoas apresenta o projeto Arte Legal: Cidadania sem Bullying

A ONG Parceiros Voluntários de Canoas apresentou na Câmara, na sessão desta quinta-feira (30/11), o projeto Arte Legal: Cidadania sem Bullying. A entidade usou o espaço da Tribuna Popular para divulgar a ação, realizada junto aos alunos das escolas do município.

Segundo a coordenadora executiva da Parceiros Voluntários de Canoas, Jeane Kich, a proposta vai ao encontro da Lei 13.185, de 6 de novembro de 2015, que institui o Programa de Combate à Intimidação Sistemática (Bullying) no Brasil. Trata-se de uma ação educativa, cultural e social que visa enfrentar a violência escolar e na comunidade. O projeto trabalha junto aos alunos do município, da rede pública e particular, tendo como mediadores os orientadores educacionais de nove instituições de ensino.  

Ao apresentar o relatório de atividades realizadas pelo projeto em 2017, Jeane ressaltou que a iniciativa busca o envolvimento de diversas instâncias para que o município elabore e implemente o Programa de Combate à Intimidação Sistemática (Bullying) em Canoas. "É uma ação que precisa do envolvimento de toda a sociedade", argumentou. O objetivo do programa seria atuar na prevenção ao problema, com ações de articulação em rede. A explanação foi acompanhada pelo secretário municipal de Educação, José Jesus D’Ávila; pela presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Adriana Rublescki, e pelos voluntários Bruno Fraga dos Anjos e Gabriele Antunes.